Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
24/03/21 às 10h57 - Atualizado em 24/03/21 às 11h06

Seduh promove primeira reunião do ano sobre o Fundurb

Fundo terá orçamento de mais de R$ 4,1 milhões para 2021

 

 

A Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Habitação (Seduh) promoveu, nesta terça-feira (23), a primeira reunião do ano com o Conselho de Administração do Fundo de Desenvolvimento Urbano do Distrito Federal (Fundurb). Por videoconferência, novos conselheiros da sociedade civil tiveram a posse ratificada e foram apresentados ao orçamento disponível para 2021. Ao todo, o fundo terá à disposição R$ 4.154.375,00.

 

O Fundurb possui natureza contábil e é vinculado à Seduh. A verba deve ser aplicada em projetos de revitalização urbana, recuperação das áreas públicas e voltadas à preservação do patrimônio histórico. Os projetos são apresentados pelas secretarias de Governo e empresas públicas.

 

Durante a reunião, a secretária executiva da Seduh, Giselle Moll, destacou para os conselheiros que a equipe da pasta tem se empenhado em utilizar os recursos do fundo em sua totalidade. Especialmente porque o prazo para usar a verba é até o final do ano fiscal.

 

“O Fundurb pode ser aproveitado em várias áreas, a exemplo das obras do Setor de Rádio e TV Sul, das rotas acessíveis para os hospitais e tantos outros projetos que precisam ser feitos, como de revitalização do patrimônio histórico de Brasília. Há um esforço muito grande para que esses recursos voltem de maneira significativa à população”, afirmou Giselle Moll.

 

Reforço

 

Para reforçar o caixa do Fundurb, os conselheiros fizeram sugestões à Seduh. Uma delas foi cogitada pelo representante da Associação Civil Rodas da Paz, Wilde Cardoso, de utilizar os recursos da sessão onerosa de uso dos comércios da Asa Sul para abastecer o fundo. “Indo para o Fundurb compriria um dos seus objetivos principais, que é a área tombada”, avaliou.

 

Contudo, Giselle Moll esclareceu que a sugestão já foi incluída no projeto de lei complementar (PLC) que altera a conhecida Lei dos Puxadinhos, que será enviado à Câmara Legislativa do Distrito Federal (CLDF).

 

Acompanhe a Seduh nas redes sociais
@SeduhDF
@SeduhDF
@SeduhDF
seduhdf.comunicacao@gmail.com